Thanks for your visit. Comments or contact: sissym.mascarenhas@hotmail.com

sábado, julho 03, 2010

Pessoas sem noção



Eu adoro pets. Todo mundo já sabe que tenho uma gata gorda, peluda e folgada, chamada LOLA. Eu procuro comprar uma boa ração para ela, suficiente para que tenha saúde. Eu cuido dela com muito carinho, porque ela também é minha filha.

Hoje eu fui fazer compras no mercado. O mercado que tenho perto de casa se chama Zona Sul. Ele é pequeno, mas tem um bom atendimento, parece que vivo numa cidadezinha pequena. Eu prefiro sempre solicitar a carne moída na hora. Tem uma salinha que podemos pedir o que queremos de carnes. Toquei a campainha e ao fazer meu pedido (1 quilo de carne sem gordura separado em pratos de 500) uma senhora cheia de dúvidas pediu meio quilo da mesma carne moída:

- Você acha que é boa?
- Sim, prefiro sem gordura, especialmente para dar à criança.
- É que eu não como carnes, compro para meu cachorro.

hummmm ?!??!! opssss... a língua não coube na boca:


- A senhora tem noção da diferença de preço e que a carne daqui não é tão ruim para que leve a normal? Pense que tem tantas crianças famintas!
- É.... você tem razão.


Lá foi ela solicitar a mudança e ainda disse ao atendente qual era a finalidade. Imagino só o que ele não pensou a respeito...


Quando ele apareceu na porta, trazia todas as bandejas e eu fiz questão de mostrar a ela que a diferença era pequena. Realmente o Zona Sul trabalha carnes de boa qualidade, eu já vi cem outros supermercados carnes com gorduras em demasia.

- Ahhh eu queria realmente comparar! - disse ela.
- Como vê, além de sua carne estar bem limpa, repare a diferença de preço!!!

Então eu fui embora com isso na cabeça, lembrando do menininho que fica toda a semana com sua mãe na minha rua catando latas nas lixeiras. Aliás, eu jamais me esqueço dele. Felizmente, embora a cena me toque profundamente, ele é aparentemente sadio, limpinho, arrumadinho. Nada comparado a tantas crianças nesse mundo que precisam que deixemos de lado as incoerências da vida, que deixemos de mudar os reais valores da vida. Não podemos modificar o hoje, mas podemos construir um mundo melhor adotando critérios humanamente sábios.

Compartilhe esse artigo:

Related Posts with Thumbnails

24 comentários:

  1. Sissy, minha querida!
    Tenho presenciado tantas cenas dessas! Acho bacana se ter cuidados com animais, etc...Tratá-los com carinho, respeito e dignidade...mas uma pessoa assim é capaz de passar por uma criança ou pessoa passando fome, efetivamente, e virar a cara...aí te pergunto: é justo?
    Mas...como diz meu irmão: EMA, EMA, EMA!
    Grande beijo, linda!
    Jackie

    ResponderExcluir
  2. Sissy my darling,
    I feed my dog, my son, Good Dog Food. Of course he gets a little of what I eat but never his own ground beef!
    Some People shouldn't have children, or animals.
    But for us who love them know that they ARE apart of our family!
    I will talk to you soon.
    Love, Craig

    ResponderExcluir
  3. Sissym esse assunto realmente é muito sério, cansei de ver nos supermercados grandes, jogarem no lixo bolo, doces, e outras coisas que faltava ainda dois dias para vencerem a data, vem até segurança do lado da pessoa que está jogando fora a comida para ter certeza que está no lixo, agora essa mulher que vc falou queria mais se aparecer do que outra coisa, e pelo que sei não é bom dar carne para o cachorro, pelo menos a minha é saudável e só come ração, o problema é que para dar carne para o cachorro ela compra fazendo alarme para todo mundo, mas para ajudar outros geralmente a pessoa fala que a situação está difícil, conheço bem essas pessoas.



    escrito por marcosmolina26
    Site: http://marcosmolina66.blogspot.com
    18 minutos atrás
    [dihitt]

    ResponderExcluir
  4. esta foi uma noticia que postei a algum tempo que acho que ilustra bem seu texto.
    http://www.dihitt.com.br/barra/campanha-2010-tome-uma-atitude-2

    Você sabia que...
    - Mais de um bilhão de pessoas no mundo vive com menos de um dólar por dia;
    - Cada dia, morrem, por causa da fome, 24 mil pessoas. 10% das crianças, em países em desenvolvimento, morrem antes de completar cinco anos...
    - um terço da população é mal alimentado e outro terço está faminto.
    - Que a cada dia 275 mil pessoas começam a passar fome ao redor do mundo. O Brasil é o 9º pais com o maior número de pessoas com fome...
    - Atualmente, cerca de 1,2 bilhão de pessoas se encontra no estado de alta pobreza devido às condições climáticas de suas regiões.

    Você Sabia?
    - Mais de um bilhão de crianças, a metade dos menores do mundo, é castigado pela pobreza, as guerras e a Aids;
    - Todos os dias, o HIV/AIDS mata 6.000 pessoas e infecta outras 8.200 .
    - Todos os anos, seis milhões de crianças morrem de má nutrição antes de completar cinco anos.
    - Cerca de 90 mil crianças e adolescentes são órfãos no Brasil, à espera de uma adoção.
    - a escassez de água já atinge 2 bilhões de pessoas. Esse número pode dobrar em 20 anos...

    Você Sabia?
    - Cerca de 100 milhões de pessoas estão sem teto;
    - No Brasil, são 33,9 milhões de pessoas sem casa. Só nas áreas urbanas, são 24 milhões que não possuem habitação adequada ou não têm onde morar.
    - Que vinte e cinco milhões de pessoas são dependentes de drogas no mundo;
    - Que os indígenas continuam a ser vítimas de assassinatos, violência, discriminação, expulsões forçadas e outras violações de direitos humanos.

    Você Sabia?
    - Mais de 2,6 bilhões de pessoas não têm saneamento básico e mais de um bilhão continua a usar fontes de água imprópria para o consumo.
    - Cinco milhões de pessoas, na sua maioria crianças, morrem todos os anos de doenças relacionadas à qualidade da água.
    - No mundo inteiro, 114 milhões de crianças não recebem instrução sequer ao nível básico e 584 milhões de mulheres são analfabetas.

    Você Sabia?
    - Que é gasto 40 vezes mais dinheiro com cosméticos do que com doações...
    - é gasto 10 vezes mais dinheiro com armas do que com educação básica;
    - O Brasil é campeão mundial de desmatamento. Em segundo lugar está a Indonésia: 18,7 km2 por ano e, em terceiro, segue o Sudão, com 5,9 km2.
    - O país perdeu um campo de futebol a cada dez minutos na Amazônia, nos últimos 20 anos.

    ...Agora você já sabe.
    E vai ficar aí parado? Tome uma atitude.
    Milhões de Pessoas em Pobreza Extrema Precisam da sua Ajuda!
    Seja Voluntário você Também! Junte-se a nós.
    Planeta Voluntários
    http://www.planetavoluntarios.com.br
    Uma rede social por um mundo melhor.

    "O que fazemos por nós mesmos morre conosco, o que fazemos pelos outros permanece e é eterno."

    ResponderExcluir
  5. Isto não é nada.

    A Lei 3.071, de 1916, diz que quem doa uma refeição pronta assume os riscos caso venha a fazer mal a alguém, e prevê detenção de até cinco anos para o responsável, mesmo que a comida seja doada em boas condições e venha a estragar por deficiência no armazenamento ou manipulação de quem a recebe.

    Ou seja toneladas de comida que sobram dos restaurantes vão para o LIXO.

    ResponderExcluir
  6. Como vc sabe, tenho um gato muito mimado. O mimo que dedicamos a ele não nos impede de enxergar a humanidade ao redor e também não nos torna "fundamentalistas" de nenhum dos lados. Amor e dinheiro são coisas totalmente incomparáveis. Amor vc tem de sobra!!! Bjo.

    ResponderExcluir
  7. Deixando de dar carne boa para nossos cães iremos diminuir a fome dos necessitados? Acho que não. A mulher queria era aparecer mesmo!

    ResponderExcluir
  8. Fadinha,a realidade é tão cruel,que sinceramente fico pensando como pode haver pessoas assim.
    Bjos

    ResponderExcluir
  9. @ Silvana: obrigada pelo seu comentario. Percebi que não fui muito clara, voce veio colaborar, pois as pessoas não entendem. Deixar de comprar carne especial para um cachorro certamente não vai acabar com a fome no mundo. Mas com R$ 10,00 é possível ajudar, por exemplo, a APAE, ou outras entidades que precisam de qq donativo. De maneira indireta é possível colaborar por um mundo melhor.

    ResponderExcluir
  10. Saudações!
    Amiga Sissym:
    É uma questão delicada, é bem verdade que é tão pouco, mas, não serão os seus dez “pleques”$$$ que vai fazer o corretivo junto aos necessitados, portanto, continue alimentando e cuidando bem da Lola.
    Parabéns por mais um excelente Post!
    Abraços,
    LISON.

    ResponderExcluir
  11. @ Jackie: tanto assim aumentaram os numeros de lojas especializadas! Entendo que a solidão é grande, mas não podemos exagerar.

    @ Craig: Thank you my dear. I know how much y love yr pet and y are a great man.

    @ Joselito: as condições de vida do menino nao sao as que dou à minha filha, por exemplo, mas vendo-o percebe que apesar disso a mãe deve trata-lo muito bem. Um dia ainda vou falar dele em post meu, porque eu jamais consigo passar por eles de maneira indiferente, talvez já sejam uns 3 anos que eu os vejo, seja sol ou chuva. É ruim? É. Mas poderia ser muito pior.

    @ Cecilia: Eu não culpo ela, acho que nem passou na cabeça dela o que estava fazendo, é apenas uma entre tantos outros.

    @ Lison: ... kkkkk 10 pleques!!!! Eu sempre estou olhando para além, talvez seja uma sonhadora. Eu tenho sentido tanto desapego com coisas materiais que para mim o valor que dou são para as necessidades humanas. Eu coloco na balança mental o que julgo certo ou errado, mas não tenho como mudar nada.

    ResponderExcluir
  12. @ Francisco: eu não sabia da Lei. Eu já vi muitas vezes, no Centro do Rio, pessoas catando comida em tambores deixados pelos restaurantes. Aquilo é tétrico.... arghhhh... um cheiro de azedo algumas vezes, não sei como aguentam.

    @ Iza: eu tambem tenho a Lola, todo mundo sabe, sou louca por ela, mas ela não é minha prioridade quando tenho que escolher o que fazer, preciso de ter discernimento.

    @ Felipe: claro que não, nunquinha mesmo. Só que podemos ajudar muitas instituições que ficam agradecidas por receberem mensalmente até R$ 10,00 ! Uma vez fui contatada pela organização que eu ajudava, me explicaram que os poucos 10 reais que eu dava eram significativos, tais contribuições que ajudavam de fato, porque o Governo mesmo não consegue suprir as necessidades reais.

    ResponderExcluir
  13. É Sissym, içaí é só mais um exemplo da estupidez humana.
    Nesse quesito,ninguém barra a NASA.São bilhões de dólares mandados "pro espaço",literalmente.Crio meus bródi gatos com ração em lata, mas nunca esqueço que eu mesmo sou um vira-latas.Sou absurdo, não A e B surdos.

    Grande abraço pra vc Fadinha.

    ResponderExcluir
  14. @ Amigo... kkkkk: Eu morri de rir com seu comentario, porque eu tambem sou vira-lata ... miauuuuuuu

    ResponderExcluir
  15. Obrigado pela visita Sissym, vc é muito simpática. Sim, vc tem razão, pequenos gestos fazem muita diferença. Apesar de ter morado tantos anos perto do Ibirapuera, eu nunca fui ao planetário - e adoro astronomia. As vezes deixamos de fazer o que é certo por preguiça ou comodismo, sei lá... Tenha uma ótima semana, seu blog é ótimo!

    ResponderExcluir
  16. Sabia que minha avónha se chama Lolaaa...kkk
    vou contar pra ela q tu tens uma gata gorda e peluda chamada Lola..hehe ela n vai gostar..ta com 84 anos..
    qto a carne como tu falou tem gte sem noção mesmo
    bjão

    ResponderExcluir
  17. Sinceramente, comprar carne para um animal não me choca muito, o que realmente de deixa pasmo é o tanto de comida que o brasileiro joga no lixo, enquanto tem tanta gente passando fome. Nos restaurantes a quilo as pessoas enchem o prato e não come nem a metade. Isso eu acho um absurdo, é claro que elas estão pagando, mas nem por isso justifica o desperdício.
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Sinceramente, comprar carne para um animal não me choca muito, o que me deixa pasmo é a quantidade de comida que o brasileiro joga no lixo. Nos restaurantes a quilo ,a pessoa enche o prato e não como nem a metade, sei que ela está pagando, mas isso não justifica o desperdício.
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Hum... entendi direito? Essa senhora é típica! Aquela que ao deixar o restaurante pede para embrulhar o resto para o cachorro. Sei. Encontro muita gente por aí vivendo de aparências.
    Boa semana! Beijus,

    ResponderExcluir
  20. São essas pequenas atitudes que fazem a diferença!! Se todos tivessem consciência ao fazer certas coisas imprudentes, hoje o mundo seria melhor e mais humano.
    Beijos o coração!!

    ResponderExcluir
  21. Oi Syssim
    é realmente preocupante
    é caso que vc citou é só um exemplo
    de casos piores que tem por ai
    no outro dia li no jornal que uma senhora milhonaria deixou toda a sua fortuna pro seu gato, teve um outro caso de um senhor muito rico que deixou toda a herança pro cachorro e por ai vai, eu fiquei pensando já que não tem pra quem deixar por que essas pessoas não doam suas fortunas para alguma obra de caridade, ongs, sei la, imagino quantas pessoas poderiam ser beneficiadas.

    ResponderExcluir
  22. Oi Sissym!
    Agradeço a tua visita no Qualquer Coisa de Flor e deixo a minha surpresa frente a esta cena!
    Concordo que cachorros devam ser bem tratados, eu tenho 2 em casa que amo demais, mas não devemos esquecer das pessoas que estão ao nosso redor passando por fome real! Para nossos filhotes caninos existem rações, e creio que são as melhores opções, balanceadas e com as substâncias das quais precisam. Hoje tem muita gente mesmo sem noção do que é essencial...
    Um beijo!

    ResponderExcluir
  23. Entendo vc Sissy, mt bem. Eu fico igual qdo vejo jogarem comida no lixo na maior naturalidade. Aliás qdo meus filhos eram pequenos eu falava pra eles q qdo alguém joga comida "aqui" no lixo, em outros lugares da terra crianças morrem por falta dessa comida. Era difícil p eles entenderem pq recebiamos amigos em casa que repetiam a comida, não tinham barriga e tudo ia p o lixo.
    Em casa é proibido jogar comida no lixo, pegou comida demais, cobre e guarda p comer mais tarde. N fazemos compras exageradas p n estragar. Me incomoda ver comida na despensa, significa q exageramos nas compras, então divido com a Rose q limpa a casa toda a sexta feira e agradece uma ajuda p criar os 5 filhos, venha de onde vier e de q forma for. O mesmo faço c roupa, objetos... N gosto de nd q n tenha utilidade. Me incomoda talvez pq meus pais perderam tudo em função da guerra, qdo era adolescente. Precisavamos pegar fila da Caritas e Cruz vermelha p comida, roupa de vestir, cobertas de cama... Sei lá! Deve ter alguma ligação.
    Tenho 2 cachorros e 1 gato, q são como filhos p nós. Como moro em chácara, além da ração, eles foram acostumados a comer fruta desde pequenos e amam. A jaboticaba eles mesmos pegam das árvores, as outras frutas a gente faz ritual, senta na grama e come todo o mundo junto pitanga, amora, acerola. Uma grande família.

    ResponderExcluir
  24. @ Felipe
    @ Papo Ideias
    @ Wanderley
    @ Luma
    @ Rosana
    @ Marcos
    @ Melissa
    @ Carla

    A opinião de voces é muito importante para que possamos acrescentar e trocar idéias.

    ResponderExcluir

Recados: sissym.mascarenhas@hotmail.com
Obrigada