Thanks for your visit. Comments or contact: sissym.mascarenhas@hotmail.com

terça-feira, dezembro 20, 2011

Todo mundo se machuca... Everybody hurts




Eu sei...,
que todo mundo se machuca
Mas será que um dia não mais?
Eu sou tão sensível...
não imaginei...
que me sentiria assim, murcha
Algum dia eu gritarei: jamais?
É que sou tão suscetível...

Os meus amigos tem me confortado
E eu tenho confortado os meus amigos
Sim, preciso aguentar firme novamente
É assim que faz uma Fenix.
A lua, o sol e voces tem me procurado 
Algumas vezes eu choro pelos castigos
Sinto o descaso como ação indecente
Mas é assim, vivemos por um triz

Será que eu escaparei milagrosamente?
Não sei...
Eu erro, porque acredito demasiadamente
Na esperança... 
no amor... 
nas pessoas...

Algum dia, de uma forma ou de outra
Quem sabe, aprenderei...
Infelizmente, todo mundo se machuca
Respiro para ter força...
há valor...
nas virtudes boas.

Então,
Submeto-me sem revolta,
deixo as lágrimas rolarem,
sou uma aprendiz do tempo.

O meu caminho é de pétalas.

(por Sissym)




"Escreva minha querida,e se precisar pode contar comigo sempre,
não posso ir aí enxugar suas lagrimas, mas posso tentar colocar 
um sorriso nesse rosto lindo de fada."
 Paulinho Pinheiro 


"A esperança não murcha, ela não cansa, 
também como ela não sucumbe a crença. 
Vão-se sonhos nas asas da descrença, 
voltam sonhos nas asas da esperança."
Augusto dos Anjos 


"Preocupe-se mais com a sua consciência 
do que com sua reputação. 
Porque sua consciência é o que você é, 
e a sua reputação é o que os outros pensam de você. 
E o que os outros pensam, é problema deles."
Autor desconhecido

Compartilhe esse artigo:

Related Posts with Thumbnails

43 comentários:

  1. Que Post Fantástico!
    Amiga SISSYM:
    A sua Poesia é verdadeiramente encantadora, magistral.
    Traz os caminhos dos tempos. Um registro de sublime da leveza do ser generoso, que se dispunha a aprender. É a criança adulta andando a passos trôpegos na busca incansável do porto seguro da liberdade e da vida plena, mas com responsabilidades.
    Parabéns por mais um lindo Poema!
    Aproveito a oportunidade para desejar um feliz Natal para você, familiares e todos os seus amigos.
    De Coração,
    LISON COSTA.

    ResponderExcluir
  2. SISSYM, há tempos não vinha aqui. Sempre com palavras interessantes e essa música linda! Que coisa, todo mundo fala dela, gosta dela, mas é bonita mesmo! Um grande beijo, saudades e o desejo de um ótimo Natal pra vc! bj CON

    ResponderExcluir
  3. My darling Sissy,
    You will always be loved.
    I know this, because Sillybelly told me so! kkkkkkk
    Smokey and I wish you and your family the warmest Christmas wishes and a happy new year!
    Forever yours,
    Craig

    ResponderExcluir
  4. Como diz a JUCI,grande Fadusca,ficou show de bola todo sentimento em palavras,vc nunca pode para de escrever,se lançar um livro com certeza eu vou compra ja sou seu fã de carteirinha,bjao.

    ResponderExcluir
  5. @LISON COSTA: Lison, querido amigo, Feliz Natal e Ano Novo.
    Obrigada por todo o ano de grande companhia.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. @Paulinho Pinheiro: Paulinho, obrigada, eu tambem sou sua fã.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. @CONCEIÇÃO DUARTE: Conceição, a musica é linda mesmo, embora um tanto triste.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. @Craig: Crig, I feel happy with this surprise. Thanks for come here to read me. I wish you and family Merry Christmas and Happy New year.

    Kisses

    ResponderExcluir
  9. Mas é a unica coisa que valhe acreditar...

    Fique com Deus, menina Sissym.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  10. Todo mundo se machuca sim, ainda mais as pessoas mais sensiveis como voce. O lance é nao perder a sensbilidade, usa-la apenas para aquilo que te alegra, te motiva, e para as outras coisas todas, entrar em um estado de indiferenciação, como diz a Psicanalise. É um jeito de viver com menos dores.
    Beijao!

    ResponderExcluir
  11. ADOREI ESSA POESIA . MUITO ESPECIAL. PARABENS PELA SENSIBILIDADE . REALMEMTE VOCE CAPTOU OS SENTIMENTOS DO EXISTENCIALISMO DA HUMANIDADE .
    ABRAÇOS
    LUIZ BEVILAQUA

    ResponderExcluir
  12. Oi minha querida Fadinha... pois é! Quem foi que disse que fada também não tem seus momentos de dúvida e solidão?!
    Querida, não importa quantos caminhos tenha que traçar para viver com intensidade... não importa quantos dilemas tenha que enfrentar para realizar seus mais profundos sonhos... não importa o quanto ainda tenha que se decepcionar, pois o importante é continuar a caminhada do seu sol interior e com ele aquecer todo o frio que estiver no caminho!
    Você é uma lutadora!
    Beijo no coração

    ResponderExcluir
  13. E viva a esperança que revitaliza todos os sentimentos! Sissym que o Natal seja uma só alegria para vocês e seus familiares. Abraços POéticos desta CaipiracicabANA Marly de Oliveira Jacobino

    ResponderExcluir
  14. @Valéria Braz: Sabe, tem um frase que costumo dizer: se não tem nada a acrescentar, não atrapalhe. E assim tem sido, o vento bate na porta da minha casa, tenta de tudo mostrar que não é um furacão e sim leve brisa, abro a porta, e revira tudo ao passar, sai pela primeira janela e pronto. Acabou. Então, fico com uma cara entre a supresa e o espanto. E o corpo, ralado... o vento passou para machucar.

    beijos

    ResponderExcluir
  15. @Camille: Quase todas semanas eu peço a quem me ouvir (DEUS?!) que quero ser indiferente, quero ser igual a todo mundo, mas é uma M... não consigo mudar minha personalidade. Então, me odeio por um instante.

    Beijos

    ResponderExcluir
  16. @Anônimo: Luiz... precisava ouvir seu piano, talvez curasse minhas feridas.

    Beijos

    ResponderExcluir
  17. @Blog de Ana Marly Jacobino: Marly,

    Como fico feliz ao lhe rever, jamais esquecerei de nossos primeiros contatos. O quanto é amavel.

    Beijos e Boas Festas.

    ResponderExcluir
  18. Minha querida,
    O final é belíssimo.
    Ah, coloquei o BlogZomm na lista dos recomendados do Travessia.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  19. @Beth Muniz: Beth, é o carinho que recebo de pessoas como voce que me serve de combustivel energetico.

    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Olá querida amiga Sissym!
    Muito belo, palavras profundas e verdadeiras que emocionam!
    O poema é lindo é mostra a força que há em você!
    Beijos com carinho.

    ResponderExcluir
  21. Olá minha querida amiga Sissym, boa noite!!!
    Que lindo minha amiga, adorei seu poema é perfeito! Pois é minha amiga, todo mundo se machuca, quem vive está sujeito a erros e dificuldades, muitas vezes duras e implacáveis, que nos deixam profundas cicatrizes de difícil cicatrização, mas aprendemos e adquirimos forças com elas... e vamos prosseguindo com esperança, com sonhos, com amor e acreditando nas pessoas, é a vida real, melhor errar, do que nada fazer. Mesmo no caminho de pétalas os outros nos espinham... Valeu minha amiga, adorei! Tenha uma linda e abençoada noite! Beijos e muita paz!!! Fique com Deus, sempre!!!

    ResponderExcluir
  22. Que lindo seus versos!
    Eu acredito que todos nós nos machucamos pelos mesmos motivos, a diferença habita na maneira como conduzimos o machucado.
    Você mostra tanta força que até escrevendo versos tão sinceros, nos dá essa impressão.
    Ainda que a dor possa ser forte a ponto de não suportarmos ela, não deixe que essa dor arranque o brilho do seu sorriso, e o amor do seu coração, pois é disso que você precisa para se erguer dia a após dia.

    Deus abençoe sempre você!

    Beijokas;-)

    ResponderExcluir
  23. Sissym , haverá coisa mais triste do que simplesmente desperdiçar o nosso tempo com coisas e dores, ódios de estimação que só ocupam espaço no nosso coração ?? A vida nem sempre é fácil, nada é garantido, nada nos pertence... nem o dia de amanhã ! E é por isso que eu sempre acho que devemos prometer a nós mesmas que “dê no que der” vamos aproveitar o aqui e agora.
    Um monte de coisinhas boas para você , tá ?

    ResponderExcluir
  24. Submeter-se sem revolta, esse o truque.
    Há que suportar com altivez e alguma leveza, o imutável e fazer o caminho ser de pétalas, há sempre perfume a se espalhar por ele, o que nos dão e o que fabricamos.

    Retribuindo o abraço, apertado, e um muito obrigada. Pelo carinho, pela amizade. Boas festas Sissym.

    ResponderExcluir
  25. @Alba Simões: Alba,

    Sim, eu acho que existe muita força dentro de mim. Mesmo que algumas vezes fique triste, sempre supero e cresço pra melhor.

    Bjs

    ResponderExcluir
  26. @Dú Pirollo: Du,

    Quando criança, aprendi a retirar meus proprios espinhos. É isso. Aprendi.

    Beijos

    ResponderExcluir
  27. @Van: Sinto retribuída, sua amizade me faz bem.
    Amiga, lindo seu comentario. Li, li e li... e reli.
    Obrigada. Beijos

    ResponderExcluir
  28. @Isa Oliveira: Uma coisa é certíssima, Isa, não sou eu a perdedora. Quem perde é quem está perdido.

    Agradeço seu maravilhoso comentario.

    Bjs

    ResponderExcluir
  29. @Eninha Campos: Concordo com seu ponto de vista. Todo dia, Eninha, eu digo a mim que serei mais racional. Embora já tenha aprendido um pouco a ser, não consigo ser senão eu mesma.

    Beijos

    ResponderExcluir
  30. Sissym que lindo, tô nessa fase ferida, esperando o dia de não mais me machucar! bjs

    ResponderExcluir
  31. Eu mesmo, ando bem machucado... O que fazer minha fada, quando sofremos por um amor impossível, sabendo que, talvez eu esteja sendo burro por se reincidente? Ai ai!

    ResponderExcluir
  32. @Albuq: Ahhh quem me dera poder usar de meu pó magico e salvar o mundo... beijos e Boas Festas.

    ResponderExcluir
  33. @Fernando Munhoz: Amado amigo, somos dois. Se houver como lhe ajudar, sendo um ouvido atencioso, um ombro acolhedor, mesmo a distancia. Conte comigo. Eu sei o quanto dói. E cada um, de alguma maneira, sofre. MAS.... tudo passa.

    Beijos

    ResponderExcluir
  34. Me fale de uma dor,com pouco rancor que não tenha motivo o amor...
    Nossas dores...ninguém disse ao nascermos que as teríamos!
    Descobre-se ao longo da jornada, enquanto se vai arando o imenso jardim na esperança de se deparar com as flores.
    Na certeza de se encontrar asas multicores, de receber a chuva, o orvalho e por que não uma gota de lágrima?
    Não existe solidão aparente porque sempre estamos com nós mesmos!
    O que existe é essa estranha dependência, do achar que temos alguém, um pedaço de alguém, uma alma que caminha paralelamente aos nossos anseios.
    De todo modo, nos machucamos muitas vezes por tão pouco...
    Mas se não tiver uma dor, uma lágrima, também não terá graça nosso jardim.
    E se não tiver flores, não teremos visitantes alados, nem anjos, nem borboletas.
    E se eles não vierem, nossa poesia não flui, não viaja, não toca corações distantes.
    Que suas dores sejam mutações de um novo tempo porque afinal de contas, se pudesse você, se pudesse eu, se pudéssemos todos, transformaríamos juntos o mundo para melhor e se assim fosse possível, teríamos um planeta regado por uma felicidade que nem você, nem eu e mais ninguém ainda saberia definir.
    Sorria pequena e sensível Fada alada. Seus vôos mágicos precisam seguir, porque apesar de tudo, cada toque seu, em cada coração que visita, tem um poder que eu, sinceramente, não sei definir. Mas posso dizer que possui algo misterioso, místico, que nasce nos confins da tua alma e se expande por distâncias incalculáveis.
    Sorria! Hoje e sempre! Porque você é assim, única e especial!

    ResponderExcluir
  35. @Pedro Brasil Jr: Deve haver um motivo que Deus nos tornou amigos. Porque voce me entende, um dos poucos que chega da margem da alma. E sempre sorrio e sempre tenho que lhe agradecer.

    Boas Festas.

    Beijos

    ResponderExcluir
  36. Olá menina
    Agradeço pela lembrança e desejo a você e família, um Feliz Natal e um 2912 de sucesso.
    Bjux

    ResponderExcluir
  37. @Wanderley Elian Lima: Amigo, feliz por lhe ver. Felicidades nesta presente data e em 2012.

    Beijos

    ResponderExcluir
  38. Estou muito machucada! Mas, eu sei que... Passa e coisas boas acontecem, amigos acontecem.
    Eu me vi em seus versos querida! Sempre belo e repleto de sentimentos...
    Feliz Ano novo... Feliz olhar novo.
    Beijo com carinho!

    ResponderExcluir
  39. Olá Sissy,

    Neste caso sugiro que sente a beira da sombra de uma arvore, olhe para a natureza e veja que a perfeição está na imperfeição dos seres humanos..

    Do machcucado de uma ostra, sai a pérola... e de nossos, a certeza que somos mais fortes para entender, compreender e amar..

    A fadinha é linda demais, para esquecer que o vento suaviza suas dores, e que seu perfuma não desaparece..

    Abraço

    ResponderExcluir
  40. @Débora Francis: Francis, infelizmente, sempre tem alguem que sente um prazer acido de nos ferir. Claro, permitimos, mas deixamos acontecer por primeiro acreditar.

    Beijos e estou feliz deste reencontro.

    ResponderExcluir
  41. @Geraldo: Geraldo, eu queria ser mais maliciosa, assim, sentiria o cheiro do que não presta antes de se aproximar.

    Suas palavras, como sempre, são um acalanto.

    Beijos

    ResponderExcluir
  42. @Pedro Brasil Jr: Leio e releio SEMPRE seus comentarios. Pois me fazem muito bem.

    Beijos

    ResponderExcluir

Recados: sissym.mascarenhas@hotmail.com
Obrigada