Thanks for your visit. Comments or contact: sissym.mascarenhas@hotmail.com

quarta-feira, dezembro 30, 2009

Diário de uma Gata

Eu queria fazer uma reclamação, mas ainda não sei aonde dirigir esta mensagem. Portanto, sei que especialmente no diHITT tem muitos protetores de seres não-humanos completamente racionais como eu.

O meu nome é Lôla. Eu tenho 02 anos de pura fofura e travessuras. Eu moro num apartamento e vivo com duas pessoas. Uma diz que é minha mãe e a outra diz que é minha irmã, porém ambas dizem que são minhas donas. Ora bolas, a dona de minha vida sou eu mesma!


A minha mãe me chama carinhosamente de baleia e a papagaia, Lóla, repete. A minha mãe me dá um afago super gostoso e minha irmã me amassa! Eu sou uma santa, porque entre irmãos tem brigas e eu nada faço. Apenas digo "miauuuuu".




A minha mãe nunca se importa de me encontrar comendo as flores dela. Mas já tem um tempo que ela não compra as minhas prediletas: qualquer uma na cor vermelha. Então, se ela não se importa, por que não me satisfaz mais?!

Sempre que ela fala ou recebe a visita da minha Tia Mion, quando esta vai embora, mamãe me pega no colo e diz:


- Tia Mion disse que voce é muitoooo feiiiiiia!!!! Mas eu não acho!


A minha irmã insiste que eu sou uma das bonecas dela. Eu já não sei mais o que faço, o melhor é aturar mesmo e aproveitar para tirar uma soneca.

Outra coisa que ela faz comigo, ela não conversa comigo e sim grita. Eu creio que ela pensa que sou surda ou para entendê-la é necessário gesticular com intensidade as mandíbulas! Tudo que respondo é:

- "miauuuu" (bem baixinho, claro)

O pior mesmo é quando a minha irmã quer me vestir. E coloca em mim as roupas dos bonecos da Happytown! Eu tento me esconder na fortaleza que tem na cozinha, por exemplo. Ou debaixo da cama... nem sempre dá certo...

Outro dia, a minha mãe achou que eu precisava de um banho. Eu voltei que parecia um bicho de pelúcia, soft e ultra cheirosa. Que azar, eu fui agarrada de todas as maneiras possíveis. Vou fazer o mesmo com ela quando sair do banho...


Adoro os dias de chuva, curto me esconder dentro de casa, embaixo de qualquer guarda-chuva. Não importa tamanhos nem cores. Desde que eu me proteja.


Se existe algo terrível mesmo é ter as duas correndo atrás de mim... eu me enfio debaixo da cama e até minha mãe vai atrás para me pegar. Eu já abri tudo que porta de armário para ver se encontro um esconderijo ultra-secreto, tudo que encontro são brinquedos sem graça. O único que presta nesta casa é o meu ratinho. Por ele, sou capaz de fazer qualquer loucura. Até jogar futebol!

Ufa.... agora eu imagino que os dedos de minha dona estejam doendo, eu não sei nem ler nem escrever, contudo, posso contar com ela sempre que necessário. Ela jamais diz "não".



Compartilhe esse artigo:

Related Posts with Thumbnails

8 comentários:

  1. Muito bom!

    e a propósito muito lindinha sua gata!

    Grande Abraço

    ResponderExcluir
  2. Olá Sissy,

    Que relato incrível e emocionante das atividades destas duas "inquilinas" no apartamento da Lola...

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. Oi Lola, I love a rainy day too! You are the queen of your castle...your sister and mom are your playthings kkkkkkkk! I can't wait for your next post! Love, Smokey

    ResponderExcluir
  4. Adoramos a Lola
    lindo texto
    maravilhosas fotos
    beijos
    Rose e Kauê

    ResponderExcluir
  5. Oi minha fadinha Syssim... imagina se ele não tá aqui pedindo pra te dizer que adorou e:
    Palavras dele... - Mãe, fala pra Lola que eu também tenho um irmãzinho gato... o Zheus! E que a gente corre o tempo todo atrás dele... mas ele não foge! Diz que eles precisam se encontrar pra brincar!
    KKKkkkkkkk... viu o que você faz com a imaginação das crinaças?
    Agora ele tá lá com Zheus, pedindo pra ele contar pra Lola o que ele faz quando vai passear a noite na rua!
    Só você Syssim...beijo no coração

    ResponderExcluir
  6. Oi Sissym, adorei ler a história da Lola...mas ela é muito bem educada. Aqui em casa a gente tem que pendurar o guarda chuva molhado no alto da porta da área de serviço, pois é o único lugar que os gatos não conseguem mexer. Eles ficam ultra intrigados com aquela tenda (o guarda chuva). Se eu deixar eles furam tudo e aí quando chover é que eu vou ver que o guarda-chuva não adinta mais nada todo furado...rs

    ResponderExcluir
  7. Olá, Sissy!
    Que delícia iniciar o ano (hoje é 1.o de janeiro de 2010! rsrsrs) e ler uma crônica tãooooo sincera de uma gata!
    Lola é igual ao meu Tuí: tem suas reclamações mas sabe q os amamos!
    Ri muito quando Lola "disse" q a irmã a amassa...
    É o mesmo q acontece c/ Tuí: por ser fofinho, ninguém o pega, só o amassa também! rsrsrs
    Bjs, querida, e tudo de bom p/ este ano!
    Qualquer hora vou postar umas fotos de um casal de sem-vergonha gêmeos (vão fazer dois meses!) q apareceram lá em casa...
    Mary.

    ResponderExcluir
  8. Oiiii ... aaaaaaahhhh eu tenho duas gatinhas Mimi e Marilyn rs ...duas fofas da mamãe rs !!!
    Uma está se recuperando agora do rim, fiz 3 meses de sorinho nela diariamente , e a outra afff....nao só falta falar...ela fala !!!!!
    Adorei esse post ... não gostava de gato antes ..mas por força do destino rs estou com duas...e amoooo ...só quem tem gato que sabe !!!

    E agora a frase padrão de todos que amam seu bichinho, maaaaaaaas que é verdade!!!! rs : Ela são muito especiais , iguais a elas não tem!

    *Obrigada pela atenção depois de ver meu nome no blog do Iúri ...demorei mas cheguei rs...
    te achei pelo dihitt sem querer ...pq pelo perfil que tinha acesso não aparecia seu blog .

    Beijos

    ResponderExcluir

Recados: sissym.mascarenhas@hotmail.com
Obrigada